Abrigo de ônibus devem ser iluminados

Data: 31/05/2017

Todos os abrigos de ônibus da capital paulista devem ser iluminados até o final do ano
Promessa é de representante da Concessionária Otima em audiência na Câmara Municipal de São Paulo

Fonte: Diário do Transporte


O Consórcio Otima, responsável por cuidar dos 7,5 mil abrigos de ônibus e mais de 14,7 mil totens de paradas deve iluminar todos os pontos com cobertura até o final deste ano.

A informação foi de representantes da empresa, na tarde desta terça-feira, 30 de maio de 2017, em reunião da Comissão de Política Urbana, Metropolitana e Meio Ambiente, da Câmara Municipal de São Paulo, de acordo com a agência de notícias da casa.

Para isso, “foi firmada uma parceria com o Governo Estado de São Paulo, a SPObras, a AES Eletropaulo e a Ótima no sentido de concluir esse serviço até o fim do ano” , informa a nota.

De acordo com a empresa, diante dos vereadores, “dos pouco mais de 6,5 mil abrigos de ônibus instalados na cidade, 2.336 não estão energizados, ou seja, estão sem iluminação.”

A empresa foi convocada pelos vereadores para comentar a situação dos pontos e abrigos da cidade de São Paulo. O Consorcio Otima é formado pelos grupos Ruas Invest, Bandeirantes, Kalítera e Odebrecht Transport, este último que está deixando a sociedade.

O consórcio assinou contrato com a prefeitura após processo de licitação, em 2012, por 25 anos, para requalificar 6,5 mil abrigos de ônibus, implantar mil novos abrigos, fazer a manutenção de 12,5 mil totens e implantar mais paradas até um total de 14,7 mil totens.

Em troca, o Consórcio poderia comercializar espaços publicitários nas paradas de ônibus.

Na audiência, os representantes da Otima afirmaram que nos primeiros anos de concessão, o Consórcio acumula prejuízos de R$ 131 milhões e faturamento de R$ 108 milhões.

O motivo dos números negativos, segundo os representantes, é o vandalismo. Por dia, são registradas cerca de 500 ocorrências contra pontos e abrigos de ônibus na capital paulista, o que representa 15 mil casos por mês.



V o l t a r